7 de janeiro de 2011

Nossa 7ª história.


Olá! Como vocês estão?
Enfim tenho uma nova história pra postar pra vocês.
Agora tenho no meu orkut muitas amigas tentantes e eu fico atormentando elas pra e contarem suas histórias pra por no blog e já consegui 2 rsrs
Hoje vou postar a da Elis, ela é um amor, nos falamos sempre pelo msn.
Elis querida, obrigada por dividir com a gente sua história e em breve se Deus quiser, deixaremos de ser tentantes.


Meu primeiro e único positivo, chegou na minha vida aos 16 anos, mas apesar de ser muito nova estava muito feliz em ser mãe, eu já estava grávida de 16 semanas. Meu mundo caiu quando o homem que eu amava me disse que ñ iria casar comigo pq seus pais ñ iria deixar, mas como? se nos estávamos namorando há um ano e meio e agora com um bb a caminho, nossa como eu chorei amiga, foi muitas brigas com os nossos familiares, pq ele tinha apenas 17 anos, e os pais dele queria que ele estudasse, eu pedi a Deus para me ajudar pq eu queria muito casar com ele, no mesmo dia da minha oração minha futura sogra chegou em minha  casa e me disse que nos ajudaria em tudo e que iríamos nos casar assim que o bb nascesse ,fui dormir feliz, mas quando foi lá pelas 3 horas da madrugada eu senti muita vontade de ir ao banheiro, uma colica terrível, e comecei a ter hemorragia  e tremia senti muito frio parecia que minhas costas ia abrir, chamei minha mãe, mas ela pediu para eu tentar dormir pq ele ñ conseguia dirigir a noite, então eu fui deitar no sofá da sala, fiquei passado mal até as 06 da manhã, quando ela levantou e me viu quase morrendo eu já estava em choque, ela ficou doida chorava e dizia ñ sabia o que fazer, me lembro que ela gritava bem alto minha filha esta morrendo!! Correram comigo para o pronto socorro, aí tive a terrível  e  pior notícia da minha vida que meu bb estava morto dentro de mim a três dias, e que se ñ fizesse a triagem eu iria morrer a qualquer momento, então assim foi feito,  meu anjinho Jonathan foi embora sem ao menos eu poder me despedir e vê-lo.  Isso já se passou 16 anos que ele partiu da minha vida, mas eu sei que ele esta com Deus. Depois de algum tempo eu casei com o pai do bb, mas ñ vivíamos bem, então nos separamos, e hoje eu estou casada com uma pessoa maravilhosa há 4 anos , e estamos tentando engravidar há um ano e três meses, ele esta doente (diabete discompensada). E tem  pouquíssimo esperma, por enquanto será necessário que sua saúde  melhore, para um dia podermos fazer um tratamento para conseguir  o nosso tão esperado bb. Mas amiga eu jamais desistirei do sonho de ser mãe. Com fé em Deus esse ano será das tentantes sermos agraciadas em nossos ventres o milagre da vida!!
 
Elis Patrícia



Olhem que linda é essa minha nova amiga.

Mas uma história que não começou muito bem e que ainda não terminou.
Pois em breve terei a honra de contar sobre a gravidez de todas as minhas amigas tentantes.
E Elis, NUNCA desista de ser mãe, se não conseguir engravidar, adote, pois pra nós que queremos ser mãe de veradde, d eonde virá nosso bebê é o que menos importa.

Não deixem de comentar, pois a Elis estava bem insegura de vocês não gostarem da história dela por não ter ainda um final feliz.
Mas eu a expliquei que estamos aqui para dividir não só as vitórias, mas a nossa luta e nossa fé.

Beijos e a todos.
Fique com Deus.

7 comentários:

  1. Olá Karinna minha amiga,olá Elis,nossa que história triste,mais a VITÓRIA IRÁ CHEGAR fé em Deus sempre. Sua história Elis parece mais ou menos com a minha com a perda do meu primeiro filho ele faleceu dentro de mim tb mais foi com 34 semanas,falta de liquido e inegrigencia do medico tb,mais Deus fez justiça e Deus sabe oque faz,eu entendo,e depois engravidei no outro ano de uma menina,pguei o virus cmv com 5 meses e ele tomou conta do corpo da minha filha ela nasceu com 7 meses e faleceu depois de 12 dias por causa dessa infecção do virus,tenho 21 anos,é triste td isso,mais eu continuo tentando e sei que terei meu filho biologico e a minha de ocração que esta para sair a adoção (: se voces não consiguirem ter seus filhos biológicos adotem é a melhor coisa,além de fazer um bebe feliz e amado será sua felicidades tb,beijos

    ResponderExcluir
  2. A História da Ana está publicada no mês de outubro, nossa 6ª história.
    Pra quem não conhece entre nesse link
    http://aindavousermae.blogspot.com/2010/10/nossa-6-historia.html
    Bjão

    ResponderExcluir
  3. Olá Nina ,com certeza imagino e que Elis passou , é muito duro perder um bebê e com 16 anos imagine ! Apesar de ser nova a mulher ao saber que irá ser mãe , já se torna madura o sufuciente para saber o dom da vida e amar aquela pessoinha , sei disso porque também tive minha princesa aos 16 anos e força Elis com fé em Deus seu bebê virá e apoio a adoção é um ato de amor .
    bjss

    ResponderExcluir
  4. Amigas...
    Que história comovente;
    Mas saiba que o melhor de Deus ainda esta por vir!
    Tbm perdi um bebê.E sei o quanto isso nos deixa uma ferida enormee no coração!

    Nina,obrigada por partilhar!!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Ahh!! a história é liinda, e como a Nina mesmo disse, ela vai ter um FINAL FELIZ.. Vo torcer por vc Elis queriida.. Logo logo o seu tão sonhado baby chegaraa!!
    Bjão!!♥

    ResponderExcluir
  6. Olá Ka e Elis...e todas as lindonas!!

    Creio que nossa vida é feita de provações, mas creio tb que Deus NUNCA dá um fardo maior do que um que possamos carregar!!! É com passagens como essa que aprendemos e nossa fé aumenta..

    Elis, Desejo à vc um futuro maravilhosos ao lado do seu marido e logo ele estará bem, para vcs terem um lindo BB! Sua historia não tem um final feliz?? Não diga isso..sua história é a prova de sua fé..pq o mais importante é vc ter no seu coração o desejo de ser mãe e a felicidade de um par perfeito ao seu lado, escrevemos nossa historia diariamente..Linda!
    Se seu passado foi meio tristinho...seu futuro será MARAVILHOSO!! Creia nisso..
    Estarei na torcida por vc...

    Ka, parabéns por mais um história..seu blog cada vez mais especial!! daki a pouquinho a minha ta aí!! bjossa férteisss....

    ResponderExcluir
  7. Olá queridas!!!não se preocupe Elis,vc não esta sozinha nessa...tenho uma historia parecidissima...um dia se eu tiver a oportunidade vou contar!Fique com Deus!!!

    ResponderExcluir

.A.T.E.N.Ç.Ã.O.
Por favor, vc que não tem blog, deixe seu email no comentário também.
E seu nome.
Porque eu não consigo vê e responder vcs depois.
Obrigada!
Nina