21 de julho de 2010

Mais um alarme falso.


Olá pra todos.
É... Mais um alarme falso.
Estava com 10 dias de atraso, pra mim muito tempo, pois já não dormia mais direito.
Pra variar ficava pensando em mil coisas, e principalmente com a possibilidade de estar enfim grávida.
Mas lá no fundo, eu sabia que não estava, mas a vontade era maior que a minha certeza.
Minha prima Patricia me aconselhou a fazer o teste, me indicou até um laboratório que eu pegava no mesmo dia.
Mas não me encorajei.
Depois a Lilia, uma amiga muito querida, já queria ir na hora buscar um teste de farmácia.
Mas também não consegui.

Mas hoje, já não aguentava mais essa duvida.
Não estava nem dormindo e nem comendo direito, fui na farmácia e comprei o teste.
Fui na igreja, que é do lado da farmácia e pedi pra Deus me ajudar com o resultado.
Que qual fosse, eu soubesse aceitar.

Cheguei em casa, deixei o teste aqui na minha frente, vim pro computador tentando esperar mais pra fazer, com medo do resultado que eu já temia qual fosse.
Mas nada me distraia e fui pro banheiro fazer.
Lá fala que se em 5 minutos aparecer 2 linhas é POSITIVO e só 1 linha NEGATIVO.
Na hora apareceu 1 muito forte, pra não deixar duvidas.
Fiquei triste, mas conformada, é só o que posso fazer... Me conformar.
Fui tomar banho e deixei o teste lá, na esperança que a outra linha pudesse aparecer nesses 5 minutos.
Que nada... Posso olhar lá agora que vai tá 1 só e se bobiar até piscando pra não deixar duvida.

Parece uma coisa, meia hora depois de fazer o teste, lá estava a prova maior do resultado.
Fiquei menstruada.
É, agora é esperar mais 1 mês com essa ansiedade.

Ai gente, como é difícil sabe, todo mês tentar fingir que esqueceu o que mais se quer.
Não é fácil controlar essa ansiedade.
Fácil é falar... Calma... Esquece que vem... Você precisa para com essa ansiedade.
Tem hora que da vontade de matar todo mundo pra PQP sabe.
Pow! Acha que é assim fácil.
Não é não.
Queria eu apertar um botãozinho que apagasse essa minha vontade, essa minha ansiedade, esse meu sonho.
Mas infelizmente não é assim.

Ontem eu soube que uma mulher, de um bairro vizinho teve seu 4º ou 5º filho não sei direito, mas que deu o bebê assim que saiu do hospital.
Agora me fala se não é pra se revoltar?

Eu queria entender por que esse tipo de mulher consegue engravidar e eu não.
Por que?
Alguém pode me fazer entender.

Não tenho mais condições de escrever.
Beijão a todos e rezem por mim quem puder.

2 comentários:

  1. Olá Nina!!!Fiquei muito feliz por ter me visitado....adorei o teu blog. Mandarei um e-mail pra vc contando um pouco da minha história. Vou levar comigo sim o teu award do dia do amigo!!!
    Um beijo grande e fica com Deus!!!
    PS.: Pode deixar que rezarei muito por vc e por todas as que sonham em ter um anjinho como nós.

    ResponderExcluir
  2. Eu sumi mais voltei de viajem, e li seu post. Poxa que triste!!! Mais não desiste não, vc ja faz tratamento com um médico?

    ResponderExcluir

.A.T.E.N.Ç.Ã.O.
Por favor, vc que não tem blog, deixe seu email no comentário também.
E seu nome.
Porque eu não consigo vê e responder vcs depois.
Obrigada!
Nina